4 boas práticas para aumentar as vendas da sua recapadora de pneus

Reduzir custos
3 dicas de como reduzir custos em uma reformadora de pneus
8 de dezembro de 2020
Exibir tudo
aumentar as vendas

Um dos grandes desafios das empresas é aumentar as vendas, sem elevar os custos. Essa tarefa exige uma série de estratégias dos empreendedores, que vão desde a adoção de softwares específicos, até a utilização das redes sociais como ferramentas de divulgação de produtos e de atração de novos clientes.

Além disso, é importante que a empresa saiba quem é o seu público, para que possa criar estratégias de atração e fidelização, que atinjam a quem realmente importa. Para que você dê os primeiros passos rumo a essas estratégias, neste post, trazemos 4 boas práticas, que, se bem implementadas, ajudarão no aumento de vendas da sua recapadora de pneus. Confira!

1. Mapeie o seu público-alvo

Para criar promoção visando o seu público-alvo vocês terão que conhecer esse público, pois somente assim será possível entregar um produto ou serviço do jeito que ele quer. É importante que a investigação do público-alvo da sua empresa vá além de descobrir a faixa etária ou gênero das pessoas. É preciso buscar dados mais detalhados.

Para criar promoções e campanhas que atinjam essas pessoas, você deverá saber quais são os seus gostos, renda média, profissão, estado civil, problemas enfrentados, objetivos etc. Reunindo essas informações, será possível alcançar a fidelização, que garante uma receita recorrente para a empresa e a divulgação espontânea.

2. Aposte no marketing digital 

Depois de analisar o seu público-alvo é hora de colocar esses dados para trabalhar. Foi o tempo em que, para fazer marketing e publicidade, as empresas tinham que gastar “rios” de dinheiro. Com a internet e as redes sociais, fazer marketing digital precisa de muito planejamento, estratégia, criatividade, com um investimento bem acessível. 

A questão é bem clara, vender para os seus clientes atuais e para quem vai até o seu estabelecimento é simples, basta ter o produto disponível, com um preço acessível e pronto. A questão é: se você quer alavancar as vendas, terá que atingir as pessoas que ainda não conhecem o seu produto e hoje. Com as pessoas conectadas 24 horas por dia, a internet é o melhor caminho.

Nesse cenário, ter um site próprio é um bom começo. Quando alguém buscar a sua empresa no Google, por exemplo, ela vai se surpreender positivamente ao ver que vocês têm um espaço online pensado para eles. Nem que seja uma homepage simples, com a informação sobre a empresa, sobre os produtos e as formas de contato. 

É importante, também, estar presente nas redes sociais, pois é lá que os clientes estão. Além disso, essas plataformas servirão de veículo de campanhas de marketing, pois as redes sociais permitem segmentar os seus anúncios para atingir quem realmente importa, no momento certo.

Se bem executada, o custo de aquisição por cliente tende a diminuir bastante, daí a importância de conhecer o seu público-alvo, pois, quanto mais bem direcionada for a campanha, menos vocês gastarão para conseguir novas vendas.

Um dos segredos do marketing digital são os testes, pois assim é possível alcançar a melhoria contínua. Em vez de criar uma campanha, crie duas, com algumas diferenças sutis, para que você possa mapear o que funciona e o que deve ser descartado. Com esse refinamento, aos poucos, você vai encontrando o melhor caminho para atrair cada vez mais os potenciais clientes.

3. Cuide da experiência do cliente

Quer elevar as vendas? Cuide da experiência do seu cliente e faça com que ele se torne um consumidor fiel e um propagador dos seus serviços. Aliás, esse é um erro que muitos empreendedores cometem, o de acreditar que o aumento de vendas esteja ligado apenas a campanhas de marketing e exposição dos produtos. Fidelizar os clientes atuais é o primeiro passo é o mais acessível, afinal, o cliente já está aí, cuide dele!

A fidelização do cliente começa na recepção dele na loja, na facilidade em encontrar o estabelecimento, na fácil identificação do lugar — fachada com boa exposição. Uma sala de espera limpa e confortável, por exemplo, também pode fazer toda a diferença. Outro fator importantíssimo, que muitas vezes é negligenciado, é o pós-venda. Muitas empresas até prestam um bom serviço, mas esquecem do cliente quando ele sai da porta para fora. 

Crie planos de fidelidade, para que o cliente lembre de sua empresa e para estimular a compra recorrente. Um cartão de fidelidade com vantagens por recorrência de compras, por exemplo, que ofereça descontos e vantagens pode ser um bom início. Usando a criatividade, há uma série de ideais que podem ser utilizados na fidelização, como os programas de fidelização prioridade em agendamento, desconto por indicação, sorteios etc.

Ainda há diversas outras ideias que podem ser utilizadas para fidelizar o cliente. Alguns exemplos são:

  • programa de fidelidade;
  • prioridade em agendamento; 
  • desconto por indicação de amigos; 
  • entre outros.

4. Invista em tecnologia

O investimento em tecnologia traz dois benefícios para empresa, a começar pela otimização dos serviços da corporação, dando mais agilidade e qualidade aos processos. O segundo ponto importante é a possibilidade de uma avaliação robusta de dados, que ajudará na tomada de decisão e no marketing.

Muitos recapadores ainda utilizam soluções obsoletas e não específicas, como as planilhas de Excel, o que torna os processos mais lentos e difíceis de organizar. Como analisar dados em planilhas para utilizá-lo nas tomadas de decisão? Nesse cenário, o ideal é a utilização de um software de gestão específico.

A utilização de um software de gestão que é feito sob medida para o seu segmento, permite à sua empresa o acompanhamento da evolução do negócio, simplificando os processos financeiros e jurídicos. Na hora de escolher essa ferramenta, opte por uma que permita o controle e acesso às informações sobre histórico de produtos, informações financeiras, status de coleta, etc. 

Como vimos, para aumentar as vendas, o gestor terá que sair do lugar-comum, usando a criatividade, encontrando o seu cliente ideal e tendo em mãos um bom software de gestão. Aliar tecnologia e planejamento pode ser o primeiro passo para que a sua empresa mergulhe de vez na transformação digital e aumente a receita recorrente.

Gostou do post? Então, continue com a gente e entenda como um bom software pode ajudar a sua empresa na captação de novos clientes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *