Como fazer um plano de negócios? Entenda sobre sua importância

erros de gestão
6 erros de gestão mais comuns nas recapadoras de pneus
17 de janeiro de 2020
5 dicas para ter um diferencial competitivo na reformadora de pneus
19 de fevereiro de 2020
Exibir tudo
como fazer um plano de negócios

como fazer um plano de negócios

Ao administrar uma empresa, é importante pensar no seu desenvolvimento a médio e longo prazo, se organizando financeiramente e operacionalmente para a aquisição de mais lucro e clientes.

Neste texto, você entenderá como fazer um plano de negócios e como esse procedimento auxiliará o seu empreendimento a se desenvolver com mais organização e altas chances de sucesso!

O que é um plano de negócios?

Um plano de negócios é basicamente um grande planejamento com um completo passo a passo de como o empreendimento deve agir para que suas metas e objetivos sejam alcançados.

Eles são realizados conforme a necessidade da empresa, por isso, é impossível fazer uma cópia do plano de outras instituições, já que a sua própria estrutura e objetivo são diferentes entre si.

Entretanto, nem todos os empreendimentos se preocupam em realizar um plano ou, até mesmo, não pensam em criar metas de longo, médio e curto prazo para a sua empresa.

Sem isso, a instituição ficará desorganizada, além de perder a aquisição de dados importantes para conhecer o seu próprio empreendimento e sobre os futuros e atuais clientes.

Qual a sua importância?

Por meio da elaboração de um plano de negócios é possível analisar com maior segurança se certas metas e objetivos são viáveis ou não, permitindo, assim, adaptá-los ao momento ou estrutura do seu empreendimento.

Um outro benefício desse documento é a possibilidade de unir diversas informações sobre a sua instituição em um só lugar, como dados financeiros, de clientes, fiscais e pertencentes a outros setores.

Assim, essas informações estarão sempre a mão para consulta, seja para atualizar as suas metas ou para realizar outras atividades, como realizar um balanço de um período específico, por exemplo.

Além de tudo isso, um plano de negócios auxilia a empresa a se precaver de problemas futuros, como uma queda súbita no faturamento ou algum outro tipo de imprevisto que pode colocar em risco o seu desenvolvimento.

Como fazer um plano de negócios?

Agora que você sabe o que é um plano de negócios e qual a sua importância, está na hora de aprender a como fazer um passo a passo de como criar um modelo personalizado para as suas metas e objetivos.

1. Sumário Executivo

O sumário executivo é a parte destinada ao resumo de todo o seu plano de negócios. Nele, precisam estar inseridas informações como a descrição do seu empreendimento, quais as suas missões, como é o perfil dos funcionários e empreendedores, dentre outras.

Não é preciso escrever um sumário grande, mas ele precisa conter todas as informações relevantes do seu negócio, além de estarem descritas de forma clara e objetiva.

Apesar de o sumário ser considerada a primeira parte do seu plano de negócios, recomendamos que ele seja feito por último, já que você poderá utilizar as informações captadas nos demais tópicos para criar um resumo mais fiel e atualizado.

2. Análise de Mercado

A análise de mercado serve para entender melhor quem e como são os seus clientes. Além deles, a concorrência e seus fornecedores também precisam estar descritos nessa sessão.

Com relação aos clientes, veja se eles são, em sua maioria, pessoa física ou jurídica, sua faixa etária e gênero, qual a frequência de compra e o que os levam a escolher o seu produto, entre outros dados importantes.

Faça uma análise também da concorrência, conferindo a qualidade dos seus produtos, preço, qualidade do atendimento e quais os fatores levam as pessoas a optarem por eles e não a sua instituição.

Já para os fornecedores, as informações mais importantes são: quem são e quais tipos de materiais eu preciso deles? Quais deles oferecem uma melhor condição de pagamento e menor preço? Qual o prazo de entrega? Onde eles se localizam?

3. Plano de Marketing

Na parte de marketing, é preciso descrever todos os produtos e serviços oferecidos pela sua empresa detalhadamente. Até mesmo dados como cor, tamanho, composição, rótulo… Isso ajudará a sua equipe de marketing a pensar nas melhores estratégias para enaltecer os diferenciais da sua empresa.

Também é preciso começar a estruturar uma estratégia de vendas, respondendo perguntas como “o preço está adequado à qualidade do produto?”, “qual o comportamento de compra do meu cliente?”, “como ele se destaca da concorrência?”, entre outros.

4. Plano Operacional

O plano operacional é responsável por definir a parte mais prática do seu negócio. Nele, você precisará descrever com funcionará os processos da sua empresa, além de quais serão os passos necessários para a venda dos seus produtos e serviços.

Assim como nos demais passos, é preciso responder algumas perguntas para direcionar melhor o projeto: “Quantos e qual a qualidade dos seus funcionários?”, ” em quanto tempo a sua empresa vende um serviço ou produto?”, “como está a capacidade de distribuição e armazenamento?”, entre outras.

5. Plano Financeiro

Lembre-se que estamos lidando com metas, objetivos e mudanças dentro da sua instituição e isso significa que ela terá que gastar (ou investir) para que tudo o que for planejado dê certo.

No plano financeiro, é preciso pensar e descrever todos os custos feitos até agora para manter a sua empresa em pé e funcionando, como compras de fornecedores, matéria-prima, equipamentos, salários, entre outros.

Com todos esses valores devidamente colocados na ponta do lápis, você poderá encontrar informações valiosas não só para o estabelecimento dos seus planos futuros, mas também do presente do seu empreendimento.

6. Análise de Cenários

Em tese, você já aprendeu a como fazer um plano de negócios. Agora, você poderá tirar um tempo para criar e simular diferentes cenários, como a existência de períodos de lucro e perda da sua empresa, por exemplo.

Com isso, você já poderá pensar em medidas para driblar as adversidades ou potencializar as épocas favoráveis. Imagine o quão surpreendente será conseguir um resultado maior do que o esperado?

Portanto, está na hora de começar agora mesmo a colocar em prática este texto de como fazer um plano de negócios e preparar a sua empresa para ótimos resultados no futuro!

Gostou do texto? Então, assine a nossa Newsletter e não perca os próximos conteúdos postados em nosso blog!

1 Comentário

  1. […] diferencial competitivo é um tipo de produto, serviço ou comodidade que somente sua empresa oferece — ou, pelo menos, coloca à disposição aos seus clientes de forma única e diferente de […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *